Carnaval empreendedor

Empreendedoras fazem releituras de fantasias carnavalescas

A Colombina é composta por duas empresárias, formadas em design de moda, e que buscam trazer a cultura pernambucana em suas fantasias

 

 

Desde de 2012, a loja colaborativa Colombina cria modelos de fantasias para o Carnaval. O trabalho é realizado pelas empreendedoras Lúcia Nunes e Carmela Bezerra. As fantasias para a época festiva são criadas a partir da coleção das empreendedoras. “Não fazemos fantasias temáticas e, sim, releituras baseadas na cultura e no Carnaval de Pernambuco”, conta Lúcia Nunes. Os trajes são inspirados no caboclinho, maracatu e, nos blocos de pau e corda. “Temos também fantasias lúdicas como, chapeuzinho vermelho. Pesquisamos muito e fazemos a nossa versão, a partir das brincadeiras de Carnaval”, observa.

As empresárias - que são formadas em Design de Moda, procuram trazer nas peças carnavalescas elementos que simbolizem e retratem a cultura local com modernidade e atualidade. “O nosso trabalho é sobre o Carnaval e com o Carnaval. Iniciamos o ateliê como uma coisa séria, mas realizado com prazer. Temos muito prazer em fazer esse trabalho o ano todo para o Carnaval”, destaca. 

Para Lúcia, o Sebrae teve participação e auxílio significativo para o crescimento do empreendimento, que está localizado no bairro da Tamarineira, Zona Norte do Recife. “Fizemos diversos cursos no Sebrae, no Marco Pernambucano da Moda. O Sebrae tinha uma parceria com eles, onde nós passamos um ano e meio incubados. Foi muito importante para nós, muito válido. O Sebrae nos ajudou muito como empreendedoras.  Trouxe a percepção sobre negócios e de pequenas empresas, que é o que nós somos. Teve um papel de auxílio bastante significativo na nossa vida”, pontua.  

 

SERVIÇO:

A Colombina: (81) 3090-3608 e 81 992639496

Instagram: @colombinarecife

Tags: Carnaval, Empreendedorismo, Pequenos Negócios