Empreendedorismo

Doces bárbaros

Confeitaria produz bolos, chocolates e doces veganos, e aposta em ovos de chocolate para a Páscoa

 

 

Observando o crescimento do mercado vegano a cada ano, a empresária Babi Damasceno enxergou essa tendência e estudou confeitaria para adaptar tudo à culinária vegana e trazer experiências saborosas, sem a adição de produtos de origem animal. Vegana desde 2006, a empreendedora sempre teve dificuldade em encontrar doces que pudesse levar para os amigos e mostrar como esse tipo de culinária pode ser saborosa. “A empresa surgiu por uma necessidade pessoal que se tornou oportunidade de negócio pois, assim como eu, existem muitas pessoas em Recife que sentiam a mesma dificuldade. Atualmente existem outras empresas que produzem bolos e alguns doces veganos”.

 

Segundo a empresária, inspirada no clã de pandas nórdicos, super protetores de animais, em 2016, fundou a confeitaria Pandas Bárbaros, vendendo ovos de páscoa. “A aceitação foi tão boa que continuamos desenvolvendo mais doces para completar o cardápio”. Ela aliou seu gosto por doces com a vontade de dar liberdade financeira para sua mãe, que hoje consegue sua renda produzindo todos os salgados da empresa. Atualmente, a empresa é comandada por Babi e seu companheiro, o chef chocolatier Jaime Fernandes. A empresária conta que a expectativa de vendas no período de Páscoa é sempre muito positiva. “É sempre um período de grande expectativa, a história da empresa vem mostrando que o número de vendas cresce a cada Páscoa, por conta dos ovos, sem prejudicar a venda dos demais produtos, então, é uma época bastante lucrativa.”

 

Babi aposta na variedade de produtos e nas novidades para este ano. “Vendemos principalmente ovos de colher, mas temos também ovo tradicional com biscoito, ovo gelado recheado com açaí, e o coração de chocolate. Os preços variam de R$ 40 a R$ 120. Trazemos como novidade neste ano o Freya, que é um ovo de colher com bolo red velvet de cereja, uma releitura do nosso bolo carro chefe, e o Fenrir, que tem sabor e pedacinhos de biscoito. Além desses, temos também coração de chocolate recheado nos mesmos sabores, que pesa 1kg e é uma ótima opção para presentear”, descreve. Ela explica que procura incluir aqueles que retiram toda alimentação de origem animal da dieta. “Todos os nossos produtos são para não veganos, tudo é feito para o público em geral, que gosta de apreciar doces. A diferença é que trabalhamos de forma inclusiva: veganos, alérgicos e os demais podem degustar”.

 

A empresária também explica que parte do sucesso da sua empresa é seu relacionamento com a clientela. “Nosso diferencial está no atendimento pessoal e no conceito da empresa. Tudo é feito por somente duas pessoas, desde atendimento, produção, gerenciamento, estoque, etc. Então, o cliente fala diretamente com quem vai produzir, fala com alguém que sempre preza pelo atendimento mais pessoal e amigável do que algo mais automático. O conceito da empresa é algo que é muito forte para nós e para nosso público”.

 

Antes de começar o negócio, ela procurou orientação empresarial. “Logo no início da empresa fomos no Sebrae, conversamos com um consultor que abriu nossa cabeça em vários aspectos. Quando você tem uma ideia e começa a pôr em prática acaba não percebendo coisas essenciais como plano de negócio. Foi importante pra mim ter ido ao Sebrae para começar a acostumar a pensar como empreendedor”, resume.

 

Serviço:  

 

Pandas Bárbaros: @pandasbarbaros | www.PandasBarbaros.com

 

Central de Atendimento Sebrae: 08005700800

 

Whatsapp Sebrae: (81) 991946690

Tags: Empreendedorismo, Páscoa, chocolate